Dália inaugura queijaria com capacidade de produzir até 12 toneladas por dia

O aniversário é dia 15 de junho, mas as comemorações alusivas aos 75 anos da Dália Alimentos já começaram. Um dos marcos desta data foi a inauguração da queijaria, no município de Arroio do Meio. O ato oficial foi realizado na tarde desta quarta-feira, 8, e contou com a participação de diversas autoridades políticas, empresariais e representantes do sistema cooperativo.

A queijaria, que deve entrar em operação no dia 4 de julho, inicialmente terá uma produção em menor escala, mas tem capacidade para produzir 12 toneladas de queijo por dia e capacidade para receber 120 mil litros de leite diariamente. A expectativa da Dália é colocar os novos produtos à disposição dos consumidores no mês de agosto, iniciando pelos mercados da região dos Vales. 

A cooperativa oferecerá cinco tipos de queijos: muçarela, provolone, prato, colonial e coalho. Entre os tipos fabricados, o muçarela será o queijo de maior volume de produção, pois corresponde a 70% do consumo de queijos no mercado brasileiro.  Ao todo, serão 22 embalagens para diversos tamanhos e formatos dos queijos, variando entre peças de 4 quilos e fatiados de 150 gramas.  Além disso, deve ser comercializado para outras fábricas alguns subprodutos, como soro concentrado, creme de soro e retalhos que sobram da central de fatiados.  

Conforme o presidente Executivo da Dália, Carlos Alberto de Figueiredo Freitas,  o investimento é de R$ 14 milhões e a unidade deve empregar, ao todo, 71 profissionais, contabilizando os funcionários que atuam na produção de nata nesta unidade. Atualmente a produção deste produto gira em torno de seis a dez toneladas/dia, porém a capacidade máxima é de 16 toneladas.

Tecnologia

Durante a solenidade de inauguração, o presidente do Conselho Administrativo da Dália, Gilberto Piccinini, relembrou os feitos dos ‘destemidos’ que fundaram a cooperativa e ressaltou o papel fundamental dos produtores rurais para o crescimento da Dália. Também destacou a tecnologia do maquinário da queijaria, que contará com operação automatizada e semiautomatizada. “Vamos festejar os 75 anos da Dália ao mesmo tempo que inauguramos esse projeto, que agrega renda aos produtores, que desenvolve a economia da região e do estado”, disse.

O ato também contou com a presença do secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Edson Brum, que participou do seu último ato público como titular da pasta. Brum assumirá o cargo de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado. No pronunciamento, mencionou a importância de incentivos para as empresas e destacou a trajetória da Dália Alimentos como uma propulsora do desenvolvimento econômico e social.


More Posts for Show: Alma Gaúcha

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Podcasts